Um sonho não tem lugar

Todos os meus sonhos estão se deslocando para diferentes viagens...

"Uma caixa dourada deixada sobre uma mesa de madeira entona sussurros de magia." 
Ao abrir essa caixa tu cairás em um sono profundo. Abrindo os olhos e visualizando as mais diferentes criaturas noturnas, tu percebes que nunca despertou... andas vagando pela terra em busca se sí. Andas vagando sobre um amontoado de histórias do passado nas quais não consegue colorir. A caixa dourada sobre a mesa está lacrada com seus sonhos mais sublimes e desesperadores. Alguns sonhos estão se afogando nas margens de um oceano. Outros sonhos estão planando sobre uma terra lúgubre de areia límpida. Os sonhos mais puros estão sobre o nosso tímido amanhecer, quando nossas pálpebras finalmente criam forças para enxergar a claridade da manhã. E quando tu percebes, esqueceu sua caixa dourada lacrada. Nada pode ser lacrado por um longo tempo. Tudo será diluído com o tempo. O tempo é uma ampulheta de dias infinitos. Se sua caixa dourada permanecer intacta sem o toque mágico das suas mãos para abrir seus sonhos mais profundos, o tempo nada vale. O tempo está sempre esperando que as caixas sobre as mesas sejam abertas todas as manhãs.
Meu sonhos são escuros e calmos, mas também são doces com sons gentis. Eu nunca estou muito próxima das pessoas e não faço muitas amizades pois estou sempre partindo e deixando um rastro de folhas secas no caminho. Alguns podem pensar que sou alguém egoísta por me afastar e permanecer distante. Mas na realidade eu sou uma criatura que não consegue ficar muito tempo em sociedade. Prezo os amigos mas meu conforto está para além dos cercados das grandes cidades.

16 comments:

  1. AMEI!!! Nossa bem melancólico, mas MARAVILHOSO <3
    http://viagem-a-terra-do-nunca.blogspot.com.br/

    ReplyDelete
  2. Obrigada Anite pelo seu comentário! <3 It was really appreciated.
    I missed you too! I was happy to read that you wanted to write me a letter... I will for sure respond to you after!

    Bom dia!
    Mab xxx

    ReplyDelete
    Replies

    1. Yes, it will be very beautiful exchange letters with you. Miss u

      Delete
  3. Estou encantada com o que acabo de ler, é belíssimo, é algo que aprecio ler. Não tenho mais palavras para descrever!

    O seu cantinho também têm seus encantos, é simples, o nome é agradável e ouvir melodias enquanto ler(estou ouvindo uma neste momento) é ainda mais prazeroso!

    xoxo | o lar da senhorita

    ReplyDelete
    Replies
    1. Que gentileza da sua parte. ❤
      Eu amei seu blog, tu escreves de forma muito doce.

      Delete
  4. É preciso abrir a caixa, né? E a magia. É preciso abrir a janela e os horizontes longe do sonhar apenas. A diferença é que no sonho, se tudo der errado se junta tudo novamente na cauxa dourada, tal como recolher folhas secas do chão sem vento. Metáforas. A realidade é que algumas folhas se vão e a caixa é preciso ser aberta, modificada, deixar-se realizar alguns, deixar-se ir todos, dormir, sonhar e ao amanhecer com os primeiros raios de sol, colocar mais e destes ir realizá-los. Tempo ao tempo.

    Gostei da forma de tudo, a melancolia também é bonita. A minha caixa é amarela.

    Beijos.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Que comentário encantador.
      Tu deixou algo claro para mim nestas palavras, existe algo bem além das coisas que escrevo. As vezes penso que ninguém pode me entender com algumas confusões da minha mente. E sim.. abrir a caixa, não te esqueças.

      Delete
  5. Que bonito o novo nome do seu cantinho, Pequenos Silêncios. Soa como aqueles breves e sutis momentos entre o pensamento e a respiração! Não me canso de dizer que você escreve lindamente, Anite <3 E ah os sonhos! São neblina, fumaça, chuvisco. Fazer amigos é um labirinto interno também, não é tão fácil, bem sei. Cada pessoa é um planeta próprio com uma caixa dourada própria, certo? Suas anotações pessoais são lindas, esse vídeo é hipnotizante.

    Com todo carinho, T.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada querida alma, fico feliz quando tu vens com essa alma de urso por aqui... cada te uma caixa dos sonhos... beijos

      Delete
  6. Encantadora,como sempre <3 você escreve com uma leveza absurda. Tuas palavras tem uma beleza ofuscante.

    abraços quentinhos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Na realidade teu elogio é uma beleza eu sou imensamente grata pelo seu carinho. ❤

      Delete
  7. Eu ainda agora senti isso e venho visitar seu blog e me deparado com novos escritos que ajudam a me buscar. Tu faz um bem danado com o que escreves...resultado da tua luz.

    Beijos 🌙

    ReplyDelete
    Replies
    1. Mika que comentário doce ♥ amo-te.

      Delete
  8. Você é como eu, selvagem de coração. Também não me prendo a quase nada (e a quase ninguém). E ainda não achei lugar em terra onde eu me sentisse à vontade para criar raízes...
    O mar é, até hoje, foi a única coisa que eu chamei de leito...
    Belíssimo texto!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Minha alma é inquieta e logo estou partindo.

      Delete