Algo sobre um silêncio

- Fui marcada pela querida amiga Mab para responder esta Tag bem simples.
Não sou muito de responder tags porque eu quase nunca tenho algo legal.
Mas agradeço sua lembrança e aqui está.



NOME: Ana Karolina (mas todos me chamam por Anite)

ANIVERSÁRIO: 01 de Abril

ZODÍACO: Áries | Ascendente Libra

HORÁRIO: 5:30pm

SONO: Eu tenho muito sono, o tempo inteiro.. Penso que as vezes necessito mais de 9 horas de sono para meu corpo descansar por completo.

LIVROS: Iluminuras - Arthur Rimbaud; Jane Eyre - Charlotte Brönte; Isis sem Véu - Blavatsky; Walden - Thoureau; Livros de Da Vinci...

ARTISTAS: Leonardo da Vinci; Vincent Van Gogh; Wassaly Kandinsky; Willian Turner; Claude Monet; Dante Gabriel Rossetti dentre outros.

ESCRITORES: Arthur Schpenhauer; Arthur Rimbaud; Carlos Drummond de Andrade; Ariano Suassuna; Friedrich Nietzsche; Luís Vas de Camões; Gregório de Matos; Rumi; Henry David Thoureau; Jane Austen; Charles Dickens; Leonardo da Vinci; Helena Blavatsky; Antoine Saint-Exúpery...

COMPOSITORES: Brambles; Erik Satie; Yann Tiersen; Vivaldi; Arvo Pärt (amo muito); Tchaikovsky; Liszt; Max Richter; Oskar Schuster; Édith Piaf; Set Fire to Flames; Dustin O'Halloran...

DIRETORES: Andrei Tarkovsky; Jean-Pierre Jeunet; Alexandr Sokurov são o que marcaram meus filmes. (desconheço muito o lado do cinema)

ATORES: Geralmente não marco artistas favoritas pois cada um exerce um personagem que as vezes eu admiro ou não. E não vejo muitos filmes então fica dificil selecionar algum...

ULTIMO FILME QUE VI: Cavalo de Guerra ( gosto do cenário do filme )

UNIVERSIDADE: Artes

EMPREGO DOS SONHOS: Algum trabalho que envolva cuidar de pessoas e envolve-las com a arte.

SIGNIFICADO DA MINHA URL: É muito simples, silêncio. Sou uma pessoa que ama escrever a qualquer momento e não aprecio muitas companhias, prefiro caminhar sozinha ou sentar-se em algum lugar quieto.


Tu podes ouvir e sentir Arvo Pärt & Tarkovsky... 



Era Porcelana


Sou como uma casa velha de assoalho ruidoso
Com centenas de quadros pintados a mão, amontoados em um porão
Cada pedaço de uma parede em tons pasteis
É como um mergulho a uma vida jamais vivida.
Não tenho métodos para seguir em uma estrada como meus irmãos.
Eu não sou uma pessoa.
Não sou humano.
Não pertenço a lugar algum mas à todos os lugares que eu possa estar.
Sou frágil e tenho diversas rachaduras pelo corpo
Meu integro continua intacto
Mas minhas mãos e meus pés estão quebrados
Não me toque sem antes ter tocado um vaso quebrado....

" Tenho mil segredos escondidos pelas cidades, tenho escrito em papeis amarrotados alguns segredos mágicos, deixo-os enrolados com uma fita abaixo de algumas árvores nas praças das cidades aonde eu passo. Vivi presa por um tempo, onde não pude ter um dia de respiração tranquila, agora estou marchando lentamente pela grama molhada da chuva passada, meus olhos que antes viam apenas uma brecha de luz agora vê todas as estrelas em um largo campo de visão. "

Um sonho não tem lugar

Todos os meus sonhos estão se deslocando para diferentes viagens...

"Uma caixa dourada deixada sobre uma mesa de madeira entona sussurros de magia." 
Ao abrir essa caixa tu cairás em um sono profundo. Abrindo os olhos e visualizando as mais diferentes criaturas noturnas, tu percebes que nunca despertou... andas vagando pela terra em busca se sí. Andas vagando sobre um amontoado de histórias do passado nas quais não consegue colorir. A caixa dourada sobre a mesa está lacrada com seus sonhos mais sublimes e desesperadores. Alguns sonhos estão se afogando nas margens de um oceano. Outros sonhos estão planando sobre uma terra lúgubre de areia límpida. Os sonhos mais puros estão sobre o nosso tímido amanhecer, quando nossas pálpebras finalmente criam forças para enxergar a claridade da manhã. E quando tu percebes, esqueceu sua caixa dourada lacrada. Nada pode ser lacrado por um longo tempo. Tudo será diluído com o tempo. O tempo é uma ampulheta de dias infinitos. Se sua caixa dourada permanecer intacta sem o toque mágico das suas mãos para abrir seus sonhos mais profundos, o tempo nada vale. O tempo está sempre esperando que as caixas sobre as mesas sejam abertas todas as manhãs.
Meu sonhos são escuros e calmos, mas também são doces com sons gentis. Eu nunca estou muito próxima das pessoas e não faço muitas amizades pois estou sempre partindo e deixando um rastro de folhas secas no caminho. Alguns podem pensar que sou alguém egoísta por me afastar e permanecer distante. Mas na realidade eu sou uma criatura que não consegue ficar muito tempo em sociedade. Prezo os amigos mas meu conforto está para além dos cercados das grandes cidades.

#Notas

"Você tem que aceitar que algumas pessoas não são feitas para conversas profundas...!"

*

Todos temos fantasmas em nossos dias.
Alguns são nebulosos e nos fazem chorar,
Outros são lua e estrelas e carregam luz eterna.

*

Sempre apareço em lugares misteriosos e 
logo saio minuciosamente dos mesmos.

*

Muitas vezes no dia eu estou em silêncio,
mas isso não quer dizer que eu não tenho ago a dizer.
As vezes só tenho tanta coisa na minha mente que não consigo me expressar.


 



RAZÕES PARA ESTAR FORA DA MINHA ZONA DE CONFORTO:

1. Pessoas especiais { amigos limitados}
2. Livros
3. Variados tipos de Café
4. Arte
5. Chuva
6. Supermercado
7. Aulas {menos importante}
8. Som do Mar
9. Variadas árvores
10. Cartas
11. Meus pulmões
12. Minha sanidade
13. O desconhecido...

Há uma palavra islandesa "skúffuskáld," que significa alguém que é secretamente um poeta. 
Literalmente significa "poeta gaveta", alguém que escreve poesia mas joga tudo em sua gaveta ao invés vez de mostrar isso para as pessoas.